Captive Modern! Top 5 New Cards From Ravnica Allegiance For Modern – Magic: The Gathering

Captive Modern! Top 5 New Cards From Ravnica Allegiance For Modern – Magic: The Gathering


Modern! Um dos melhores formatos de Magic: The Gathering… …uma vez que banirem KCI (Krark-Clan Ironworks) Um formato que possibilita uma gameplay competitiva de alto nível mas que também permite que jogadores construam seus decks favoritos e ainda poderem levá-los ao sucesso… …uma vez que banirem KCI (Krark-Clan Ironworks). E o formato está sempre evoluindo com cada nova expansão também! Lealdade em Ravnica irá em breve inserir seus cards na cardpool do Mordern, e quando isso acontecer, quais serão as cartas que mais provavelmente verão jogo e terão um impacto no formato modern? Nenhuma… …enquanto KCI não for banida, afinal não há motivo para jogar qualquer outra coisa nem perspectiva de jogar contra outra coisa. O formato irá cair num abismo de total esquecimento, consumindo-se como um Ouroboros distorcido, comendo sua própria calda até que não sobre nada além do vil e esparramado cadáver do formato que todos nós uma vez amamos. Isso é o que vocês trouxeram por não terem banido KCI Wizards of the Coast, Aaron Forsythe e Gavin Verhey! Isso é o que vocês trouxeram, e o seu legado por permitirem essa atrocidade iram ecoaram pelas gerações vindouras Porém presumindo que KCI seja banido em breve eu lhes apresento as Top 5 Cartas de Lealdade em Ravnica mais prováveis de ver jogo e fazer um impacto no Modern! Ban KCI! Antes de começar, eu tenho uma menção honrosa que eu suspeito que seja deveras controversa. Esfinge da Previdência é uma carta que está já está recebendo muito hype da comunidade, mas, enquanto eu admito que seja legal e interessante, e assim como muitas outras cartas que falharam em causar impacto, tem potencial, Muitos jogadores de MTG preventivamente discordaram de mim. Eu só não acho que vá chegar lá, mas, para um excelente contra-argumento, o lendário jogador profissional de Magic, Ben Friedman, escreveu um perspicaz e bem escrito artigo sobre a Esfinge da Previdência e eu vou botar o link desse texto na descrição desse vídeo e eu encorajo-os a ler e levar em consideração! Eu discordo do Sr. Friedman sobre o potencial sucesso da Esfinge no Modern mas ei, Ben Friedman é só um dos maiores jogadores de Magic: The Gathering no mundo, e eu? Bem, meu maior sucesso no competitivo foi ganhar no Game Day: Dark Ascension. Então, há uma chance razoável da avaliação dele ser superior a minha. Dito isso: Esfinge da Previdência é uma carta que custa 2 mais 2 azuis por uma criatura 4/4 do tipo Esfinge Voadora que diz: Você pode revelar essa carta da sua mão inicial. Se o fizer, use Vidência 3 no início da sua primeira fase de manutenção. No início da sua fase de manutenção, use Vidência 1 Cartas de mão inicial são elegantes, não? Como os Chanceleres Phyrexianos, as Linhas de Força e as Cavernas de Pedras Preciosas, elas carregam consigo a possibilidade de oferecer algo por nada. Que jogador de Magic não ama isso? Eu repito, eu não acho que essa carta seja totalmente ruim, alguns dos melhores jeitos de usar a esfinge estarão em decks de combo no Modern. Onde jogadores podem usá-la para montar as peças do combo e ainda usá-las como um batedor com uma evasão razoável. Além disso a melhor vantagem dessa carta é nos ajudar a encontrar as cartas que precisamos, especialmente as do sideboard que nós trocamos Mas no fim das contas, eu não acho que essa carta tem o suficiente pra chegar lá Pagar 4 de mana por uma 4/4 com voar não é o que você quer fazer no Modern. Nós já temos cartas como
Busca por Azcanta que nos deixam usar Vidência que, francamente, fazem isso melhor e por menos mana. A carta nos provoca com a possibilidade de conseguir algo a troco de nada Mas no fim das contas, com todo respeito aos que se animaram com a carta, eu sinto que o Modern não terá muito uso para ela. Não obstante, Vidência 3 é incrivelmente poderoso, e considerando que há decks no Modern que rodam cartas como Pó de Soro, talvez incluir uma carta que é tão poderosa quando está na sua mão inicial mas que é fraca caso contrário, faça mais sentido do que eu esteja imaginando. Só o tempo dirá, no entanto, eu ainda não estou otimista. Então quais cartas eu acho que certamente causarão impacto no Modern e que verão jogo? Bem, na posição Nº 5 temos uma carta renegada que deve parar alguns dos decks no Modern que estão fora de controle, e essa carta é Lavinia, Renegada Azorius. Lavinia custa 1 branca e 1 azul por uma 2/2 lendária do tipo… urgh…Humano Soldado. De novo com os Humanos! Eu estou tão farto de Humanos no Modern que eu só quero voltar para Lorwyn, porque é um plano que não tem nenhum Humano! Esquece disso R&D* (*Research & Development). Lavinia diz: Cada oponente não pode conjurar mágicas que não sejam de criatura com custo de mana convertido maior que o número de terrenos que aquele jogador controla. Quando um oponente conjurar uma mágica, se nenhum mana foi gasto para conjurá-la, anule-a. Sim, sim, o velho cliche do “Matador de Tron”, mas, Matador de Tron! Isso acaba com Karn no turno 3 Ugin, Tudo é Poeira, e outras mágicas que não são de criatura que estão fora de controle. Acaba com Unir em Arcana para Cardume Nutritivo, ou qualquer tentativa de conseguir uma condição de vitória ridícula com Através da Brecha no início do jogo. Decks Living End não gostam dessa carta, nem decks Ad Nauseam. Infelizmente, ela não faz nada contra o infrator Nº 1 do momento: KCI. Tomara que um próximo banimento tome conta daquele deck miserável e Lavinia então achará seu lugar entre os seus, ou, talvez, em muitos sideboards do Modern. Na posição Nº 4 temos um “quase reprint” do bloco Retorno a Ravnica original. Essa carta tem pernas pra andar no Modern? Sim, literalmente, como minha posição Nº 4 temos
Assistente de Detenções. Assistente de Detenções é uma criatura 1/3 do tipo Vedalkeano Mago por 1 de qualquer cor, 1 azul e 1 branca. Quando Assistente de Detenções entra no campo de batalha, exile uma permanente alvo que não seja um terreno que um oponente controla e todas as outras permanentes que não sejam terrenos que aquele jogador controla com o mesmo nome que aquela permanente até que Assistente de Detenções deixe o campo de batalha. Então, sim, é uma Esfera de Detenção com pernas. Pernas 1/3 longas e sensuais. A única diferença é que a Assistente não pode ter suas permanentes como alvo e deve, ao invés disso, ter como alvo as do seu oponente, mas, de outra forma é uma Esfera de Detenção. “Qual a vantagem de ser uma criatura?” você deve perguntar, “Isso não significa que é mais provável que ela morra pra uma remoção?” Sim, mas nesse caso é melhor ser uma criatura, porque sendo uma criatura isso se torna extremamente viável em decks que rodam Acorde do Chamado e/ou Companhia Agrupada. A habilidade de, instantaneamente, usar um Acorde ou Companhia por um Assistente de Detenção será o que levará essa carta ao topo. Sim, é mais vulnerável que um encantamento, mas sendo uma criatura que pode ser buscada e jogada com a velocidade de uma instantânea a torna de longe a melhor opção. É o tipo de troca que nós queremos. Próximo, na posição Nº 3, temos uma carta extremamente interessante, cheeeeeeeia de potencial (N.T – piada com ooze se perde na tradução :/). Não é tão forte quanto sua comparação mais próxima, mas pode absolutamente causar impacto no Modern e tomar conta antes que você tenha chance de espirrar. Essa carta é Oradora Principal Vannifar. Oradora Principal Vannifar é uma 2/4 do tipo Elfo Lodo Mago com uma habilidade muito parecida com Casulo de Nascimento. Vire e sacrifique uma criatura: busque uma carta de criatura no seu deck com custo de mana convertido igual a 1 mais o custo de mana convertido da carta sacrificada. Coloque essa carta no campo de batalha e embaralhe o seu deck. Ative essa habilidade somente quando você puder conjurar feitiços. Essa carta é, também, um Casulo de Nascimento com pernas, ou, não exatamente pernas, mas sim uma gosma viscosa como a de uma ameba, mas não obstante, Casulo de Nascimento foi banido no Modern por um bom motivo e agora nós o temos de volta, só que como uma criatura e com a pequena desvantagem de não poder ser ativada no turno em que entra. Eu acho que isso é forte o suficiente para trazer decks que usam Kiki-Jiki e Acorde de volta dos mortos, nos permitindo montar estratégias com a Vannifar e cartas como Exarca Enganador e finalmente Anjo da Restauração e Kiki-Jiki, o Estilhaçador de Espelhos, para combar até a vitória. Tudo isso enquanto usamos o clássico combo Kiki e Acorde como ferramenta para nos levar até lá. Há claramente a grande desvantagem que, por não poder trocar vida por mana phyrexiana o custo de mana convertido completo de 4 é relevante, então a pergunta é: o R&D nivelou essa carta o suficiente pra ser justa no Modern? É ainda muito poderosa para o Modern? Ou foi rebaixada demais tornando-a inviável pro Modern? Eu acho que eles encontraram o ponto certo, bem no meio! É extremamente bom, mas não esmagadoramente, e é por isso que ela está na posição Nº 3 da minha lista. Conforme chegamos nas posições Nº 2 e Nº 1, eu tive que fazer uma decisão: eu deveria tomar essas decisões logicamente, como um bom jogador de azul ou emocionalmente, como um jogador de vermelho? Eu não tenho dúvidas que a Nº 2 verá jogo enquanto que a Nº 1 é uma escolha impulsiva. Ainda assim, já que ambas as cartas são vermelhas eu segui meu coração montanhoso, e joguei a lógica aos ventos. Nº 2 irá absolutamente ver jogo no Modern, e essa carta é: Alfinetada nos Críticos Mais de um fã se demonstrou surpreso que a Wizards of the Coast não mandou pra MIM, (que já recebi antes Escolástico Tolariano e Recusar // Cooperar) essa carta como pré-estréia. Esse é uma boa carta pra dar pra alguém que você acha que é ruim ou difícil de se trabalhar junto. Ao invés disso eles decidiram fazer as pazes me enviando um novo Domri, que, apesar dele não ver jogo no Modern, levou a uma interessante visita dos seus invasores legais, e se você ainda não viu a minha esquete Horário de Expediente que essa carta inspirou tome um momento para checar o link no topo dos créditos agora. Mas Alfinetada nos Críticos verá jogo no Burn sem dúvida! Verá jogo no Standard, verá jogo no Pauper, verá jogo em praticamente qualquer lugar, incluindo Legacy, e sim, pros propósitos desse vídeo, Modern! É um Raio! É melhor, na minha opinião, que cartas como Raio da Fenda e Espículo de Lava no Burn Modern, especialmente Modern Mono-Red Burn! Pode ser simplesmente um novo conjunto de Raios na real, nós já temos, quantos? 20 conjuntos de Raios no Modern? 24? Ta aí um deck que eu quero construir! Mas até em decks que vencem consistentemente, Alfinetada nos Críticos tem um lar e fará com que o Modern Burn fique um pouco melhor do que antes, e já era muito bom! Então qual é a carta Nº 1 de Lealdade em Ravnica que verá jogo e que terá um impacto significativo no Modern? Alfinetada nos Críticos verá jogo no Modern com certeza, mas, só como um Raio adicional num deck já estabelecido. Chaaaatooooo! Não, pro Nº 1, eu sigo meus impulsos explosivos e paixão, e criatividade. É uma carta para qual eu estou pra lá de animado, com o potencial de quebrar o formato por completo… …assim que banirem KCI. Essa carta … …espere por isso… … é
Eletrodominância. Não, sério, esse é o Nº 1 de longe! Eletrodominância é uma carta de 2 vermelhos e X por uma Mágica Instantânea que diz: Eletrodominância causa X de dano a qualquer alvo. Você pode conjurar uma carta com custo de mana convertido menor ous igual a X da sua mão sem pagar o seu custo de mana convertido “Basicamente nós transformamos um monte de raios pequenos num raio gigante.” E eu eu posso dizer honestamente que eu não vejo nenhuma carta de todas de Lealdade em Ravnica mais preparada para causar impacto no Modern do que essa! As possibilidades que ela abre são muito numerosas até pra listar nesse vídeo Use pra jogar cartas como Morte Vívida ou Desabrochar do Lótus. Conjure por 1, dê um Raio em Aves do Paraíso e depois use Visão Ancestral? Sim, por favor! Ou só pague 0 e use Restaura o Equilíbrio limpando a mesa do seu oponente se eles tiverem um começo forte. Além de permitir que Mortes Vívidas seja usado cedo no jogo, decks como Skred se tornaram muito mais poderosos. E eu não dúvido que nós veremos o surgimento de decks vermelhos e azuis sólidos de counter balance. Eletrodominância também permite coisas como Capturar Pensamento instantânea, e assim por diante Essa uma carta muito poderosa, e é absolutamente e esmagadoramente minha carta Nº 1 para o Modern em Lealdade em Ravnica Mas agora eu quero ouvir de você! Quais cartas de Lealdade em Ravnica você acha que verão jogo em Modern e por quê? Deixe eu saber nos comentários abaixo! E lembre-se: o pré-lançamento de Lealdade em Ravnica já está quase chegando, e o pré-lançamento é um dos melhores eventos pra se jogar na sua loja de jogos local, para jogadores novos e veteranos. Se você quer um curso de como contruir um deck selado pro pré-lançamento cheque o meu vídeo sobre o tópico aqui, ou passe adiante para um amigo que pode estar indo para a loja de jogos local dele para um pré- lançamento pela primeira vez. Mas de qualquer jeito, eu espero você e ele no pré-lançamento de Lealdade em Ravnica em alguns dias. E este programa foi feito possível graças a uma parceria com a loja Card Kingdom assim como com a ajuda do Patreon de espectadores como você! Então obrigado!